h1

Oscar 2012, prevendo vencedores

22/02/2012

Como a maioria (se não a própria totalidade) das premiações pré-Oscar já anunciou seus vencedores, creio já ser possível prever os vencedores da Academia sem grande perigo de alguns discursos do rei brotarem do nada por aí.

Melhor Filme

Vai vencer: O Artista

Desde Cannes as pessoas vêm falando de O Artista, mas só nas últimas semanas que o filme tomou a liderança absoluta como favorito da noite. Até pouco tempo eu ainda arriscava pensar que Os Descendentes pudesse virar o jogo, mas desisti dessa ideia. O único filme que poderia surpreender com uma vitória no lugar de O Artista é A Invenção de Hugo Cabret.

Melhor Diretor

Vai vencer: Michel Hazanavicius, por O Artista

Depois que Hazanavicius ganhou o DGA, fica complicado não pensar que também levará o Oscar. Embora eu ainda acredite que, se a Academia resolver dividir as vitórias de Filme/Diretor para filmes diferentes, Scorsese é quem tem mais chances.

Melhor Ator

Vai vencer: Jean Dujardin, por O Artista

Aqui eu também pensava que Os Descendentes pudesse levar a melhor, mas considerando que Dujardin ganhou o SAG, e que George Clooney já tem um Oscar de ator coadjuvante, o francês leva vantagem. Em todo caso, ainda torço por Gary Oldman.

Melhor Atriz

Vai vencer: Viola Davis, por Histórias Cruzadas

Por melhor que seja a performance de Viola Davis, é absurdamente triste constatar que sua vitória não será algo além de uma jogada política do Oscar, que, depois de passar décadas negligenciando os atores afro-descendentes, hoje tem o hábito de tentar compensar essa triste realidade premiando a maior quantidade de afro-descendentes possível – mesmo quando não merecedores do prêmio. E não, eu não acho que Davis não mereça o prêmio em função da qualidade da sua atuação. Ela está excelente em Histórias Cruzadas. Mas é fato indiscutível que sua personagem não é a protagonista do filme, o que imediatamente invalidaria sua indicação na categoria de atuação principal.

Melhor Ator Coadjuvante

Vai vencer: Christopher Plummer, por Toda Forma de Amor

As premiações da crítica se dividiram entre Plummer e Albert Brooks (por Drive). Como o último não foi indicado ao Oscar, a vitória do primeiro parece inevitável. Uma das únicas certezas da noite, aliás.

Melhor Atriz Coadjuvante

Vai vencer: Octavia Spencer, por Histórias Cruzadas

A performance de Spencer é divertida, mas caricata e nem de longe a melhor do ano na categoria. Sua vitória será uma injustiça. Meu voto iria para Bérénice Bejo, que, apesar de ser a personagem feminina principal de O Artista, por questões de campanha pré-Oscar, acabou sendo indicada como coadjuvante.

Melhor Roteiro Original

Vai vencer: O Artista

Aqui a questão é a seguinte: se O Artista for realmente ganhar na maioria das categorias a que foi indicado, o Oscar de roteiro é garantido; se não, então a disputa é entre Woody Allen (Meia-Noite em Paris) e Asghar Farhadi (A Separação), já quem Margin Call não tem chances e Missão Madrinha de Casamento NÃO PODE ganhar.

Melhor Roteiro Adaptado

Vai vencer: Os Descendentes

Os Descendentes ganhou o WGA, o Scripter e, pelos céus, até o prêmio do sindicado dos montadores! Precisa de mais favoritismo? Além disso, mesmo que Alexander Payne já tenha vencido essa categoria com seu último filme (Sideways, em 2005), ele é evidentemente amado pela Academia e pode muito bem ganhar de novo. Agora, particularmente, preciso dizer que considero Os Descendentes o roteiro mais fraco dentre os indicados.

Melhor Montagem

Vai vencer: A Invenção de Hugo Cabret

Thelma Schoonmaker já ganhou 3 Oscars (Touro Indomável, O Aviador, Os Infiltrados) e, ainda que tenha inexplicavelmente perdido o Eddie para o trabalho de Kevin Tent em Os Descendentes, duvido que a Academia permita que o filme de Scorsese saia do Kodak Theater sem algumas estatuetas. Montagem por ser uma delas.

Melhor Fotografia

Vai vencer: A Árvore da Vida

Eu disse em AGOSTO que A Árvore da Vida ganharia o Oscar de fotografia. Até agora, todas as premiações pré-Oscar foram confirmando minha previsão. Resta saber se a Academia seguirá a mesma lógica, ou se fará desfeita com Emmanuel Lubezki mais uma vez – Lubezki já era para ter vencido o Oscar em 2006 pelo seu trabalho excepcional em Os Filhos da Esperança. Caso a Academia decida fazer uma brincadeirinha de mau gosto, como de costume, a vitória aqui pode ficar com O Artista, o que consolidaria ainda mais a certeza que será o grande vencedor da noite.

Melhor Direção de Arte

Vai vencer: A Invenção de Hugo Cabret

Não me levem a mal. Eu AMO a direção de arte que Dante Ferretti concebeu para A Invenção de Hugo Cabret. Mas Stuart Craig realizou um trabalho sem precedentes durante toda a franquia Harry Potter e sem sombra de dúvida merecia a vitória por As Relíquias da Morte: Parte 2, o último capítulo da saga. Além do mais, Ferretti já ganhou dois Oscars recentemente (em 2005 e 2008, por O Aviador e Sweeney Todd, respectivamente), enquanto que a última vitória de Craig foi há nada menos que 15 anos, por O Paciente Inglês, em 1997.

Melhor Figurino

Vai vencer: Jane Eyre

O bom senso indicaria apostar em O Artista, uma vez que talvez seja um vencedor no estilo Quem Quer um Milionário, ganhando quase tudo. Mas figurino, no Oscar, quase sempre vai para um filme menor, geralmente um drama de época. Como duvido muito que a Academia vá premiar um filme de Roland Emmerich (Anônimo), ou de Madonna (W.E), fico com Jane Eyre. Embora Sandy Powell seja queridinha da academia e possa muito bem ganhar seu quarto Oscar por Hugo.

Melhor Trilha Sonora

Vai vencer: O Artista

Eu não me espantaria caso John Williams vencesse por Cavalo de Guerra (afinal, sua última vitória data de quase duas décadas atrás – A Lista de Schindler, em 1994), mas a trilha que Ludovic Bource compôs para O Artista é disparada a grande favorita (e merecidamente). Em todo caso, a trilha de Hugo, composta por Howard Shore, é tão linda que ninguém poderia reclamar de sua vitória. Só faltou Alexander Desplat ser indicado por As Relíquias da Morte: Parte 2.

Melhor Canção

Vai vencer: “Man or Muppet”, de Os Muppets

Eu poderia dizer: “Porque um mundo em que Carlinhos Brown ganha Oscar não é um mundo em que valha a pena viver”, mas o detalhe é que essa frase seria tremendamente injusta. Não vi Os Muppets, e nem lembro das canções de Rio, portanto não poderia apontar qual das duas é a melhor. Além do mais, eu sinceramente nem sei direito quem é Carlinhos Brown para poder falar tão mal dele. Então, só suponho que o filme dos fantoches vai ganhar porque… sim.

Melhor Maquiagem

Vai vencer: Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2

Depois de 10 anos, 8 filmes e trocentos milhões de dólares arrecadados nas bilhetes, o mínimo que a Academia pode fazer é dar uma estatuetazinha para Harry Potter?

Melhor Mixagem de Som

Vai vencer: A Invenção de Hugo Cabret

Por quê? Repito: a Academia não vai deixar o filme com o maior número de indicações sair de mãos vazias. Hugo tem a vantagem porque… sim. Mas Millennium é que merecia vencer aqui.

Melhor Edição de Som

Vai vencer: A Invenção de Hugo Cabret

Por quê? Mesmo motivo. E também porque, como a grande parte dos votantes não sabe a diferença entre as categorias de som, o que normalmente fazem é votar no mesmo filme nas as duas categorias. Mas, como Cavalo de Guerra ganhou o prêmio do sindicado dos editores de som, pode ter alguma chance aqui – e de fato mereceria a vitória.

Melhores Efeitos Visuais

Vai vencer: Planeta dos Macacos: A Origem

Por quê? Caesar.

Melhor Animação

Vai vencer: Rango

Mas eu prevejo catástrofe. Tenho quase certeza de que algum dos outro indicados vai acabar roubando o tão merecido Oscar de Gore Verbinski, mas não sei dizer qual…

Melhor Filme em Língua Não-Inglesa

Vai vencer: A Separação

Por quê? É o favorito absoluto. Dizem ser um ótimo filme.

Melhor Documentário

Vai vencer: Paradise Lost 3

Todas as pessoas que assistiram aos dois primeiros Paradise Lost querem ver o West Memphis Three no palco do Oscar, e como os favoritos na categoria (Buck e Projeto Nim) não foram indicados, essa realidade parece bem plausível de acontecer.

Obs: de certa forma ainda me recuso a tentar prever os vencedores nas categorias de curta-metragem, mas, se for para desempatar com outro cinéfilos o número de previsões corretas, no total, então…

Melhor Curta-metragem: Raju

Melhor Curta de animação: The Fantastic Flying Books of Mr. Morris Lessmore

Melhor Curta documentário: The Tsunami and the Cherry Blossom

One comment

  1. Empatamos em muitas categoria. Também acho que a Viola Davis leva neste ano.

    Minhas apostas também estão no ar: http://www.peliculacriativa.blogspot.com/2012/02/bolao-do-oscar-2012-previsoes.html



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: